Celebrando um novo ciclo: entrevista com Simone Guedes e Francisco Carlos Gomes no aniversário de 6 anos do Núcleo AgirTrês

 

É esta citação que marca o aniversário de 6 anos do Núcleo de Logoterapia AgirTrês. Este ano marca a consolidação das duas linhas de trabalho do Núcleo: a clínica e a educacional. 

Nos últimos anos, o Núcleo de Logoterapia AgirTrês tem se dedicado a realizar diversas ações para difundir a Logoterapia no Brasil e contribuir com a formação de profissionais de saúde e de pessoas, reforçando o papel da Logoterapia na educação para a vida!

Para compartilhar um pouco dessa história de amor e de sucesso, os criadores do Núcleo concederam uma entrevista. Confira!

Blog AgirTrês: O Núcleo de Logoterapia AgirTrês foi criado há 6 anos com foco em atendimento psicoterapêutico. Como tudo começou? Qual foi a vivência de vocês com Viktor Frankl antes do Núcleo? 
Francisco: Após começar os estudos em Logoterapia, eu vivenciei o processo logoterapêutico como paciente, em seguida comecei a atender meus pacientes nesta abordagem. Casado com Simone, percebi que tínhamos “algo mais” em comum, o nascimento da AgirTrês é uma história de amor.
Simone: Eu conheci a Logoterapia através do Chico, veio por um convite para acompanhá-lo em um congresso, me animei bastante pois era numa cidade que eu aprecio muito, Curitiba. Aceitei o convite e comecei a preparar o roteiro dos passeios turístico, mas a vida me convidou a seguir outros caminhos e eu disse SIM desde o 1º dia de congresso, aquela mensagem tocou profundamente minha alma e meu coração. Cá estou eu desde então, cuidando amorosamente deste filho espiritual que é o Núcleo de Logoterapia AgirTrês.
AT: Por que o nome AgirTrês? O que motivou a escolha do nome do Núcleo?
F e S: AÇÃO/ATITUDE é um dos pilares da Logoterapia e o número 3 refere-se às muitas tríades que encontramos ao estudar a Logoterapia:
– os 3 fundamentos
– as 3 categorias de valor
– a tríade trágica
AT: Hoje o Núcleo possui duas linhas de trabalho: a clínica e a educacional. Como surgiu a ideia de trabalhar saúde e educação num Núcleo de Logoterapia?
F e S: Surge da necessidade de as pessoas em encontrar um sentido na vida. Frankl identificou isso desde o início em seus estudos e primeiros registros de trabalhos, mas, no mundo atual, esta é uma necessidade premente e urgente.
Na nossa visão, saúde e educação caminham juntas, no nosso caso, o trabalho do psicólogo e do pedagogo são complementares.
AT: Ainda hoje, o nome e a obra de Viktor Frankl são mais conhecidos no meio acadêmico. Como é trabalhar com a Logoterapia para além dos muros da Universidade?
F e S: Fundamental trazer a Logoterapia para o mundo, para o dia a dia, possibilitar que as pessoas se tornem logoviventes. O próprio Viktor Frankl enfatizava a necessidade de que as pessoas, fora dos muros da ciência, pudessem entendê-lo, isso apontaria que estava correto. O meio acadêmico é importantíssimo e temos grandes baluartes brasileiros atuando em pesquisa e educação nas universidades, mas a atuação do Núcleo de Logoterapia AgirTrês está na vida, no cotidiano.
AT: Hoje o Núcleo de Logoterapia AgirTrês parece reforçar cada vez mais seu papel formativo, promovendo diversos cursos, workshops e palestras. Qual a visão de vocês sobre o futuro do Núcleo e sua missão?
F e S: Nossa missão é “divulgar a Logoterapia de forma a colaborar com as pessoas e sua busca de sentido”, acreditamos que isto é possível e permite maior alcance, se for feito através de cursos,  workshops e palestras, além do atendimento clínico psicoterapêutico, daí ampliarmos cada vez mais o papel formativo de nossas atividades. 
Para nosso futuro, vislumbramos incluir em nosso escopo atuar em palestras para jovens, em cursos de graduação, promover eventos com logoterapeutas de renome e trabalho diferenciado, mais grupos de estudos presenciais e online, em aprofundamento e para iniciantes.
AT: Qual mensagem os criadores do Núcleo gostariam de deixar para pessoas que estão em busca de sentido de vida? 
F e S: Que existe um sentido na vida e que precisa ser encontrado, independente da situação que a pessoa se encontra. Dica preciosa: cultivar o sentido de humor saudável e a alegria pelas pequenas coisas!

5 Comentários to “Celebrando um novo ciclo: entrevista com Simone Guedes e Francisco Carlos Gomes no aniversário de 6 anos do Núcleo AgirTrês

  • Simone e Chico,parabéns por essa entrega , dedicação e desenvolvimento impecável da Agir 3,eu me tornei uma Logovivente muito rápido mesmo porque veio somar à uma filosofia encorporada na minha vida, e isso deu um impulso maior,abrindo a minha visão e dando todo” Sentido” do porque e para que enfrentamos tantos desafios, mas sabendo enfrantá-los com leveza!!!!

  • Parabéns aos amigos Simone e Chico por esse “filho” tão lindo, fruto de muita dedicação e amor !

  • Que maravilha! Importante conhecer mais sobre vocês. Desejo que avancem cada vez mais nesse propósito lindo!!! Pude me encontrar em várias linhas desse texto e apesar de ser nova aqui fico muito grata pela oportunidade. Obrigada por divulgar saberes tão especiais para minha formação. Parabéns, queridos! Um grande abraço <3

  • Simone e Chico, com vocês, no curso de introdução começou minha história de amor com a Logoterapia. Parabéns e obrigada!

  • Parabéns pela mensagem e pela missão de colaborar na descoberta, na valorização e acolhida da vida com tudo o que ela oferece a cada pessoa.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *